:::
Política
02/03/2019

Durante reuni茫o, parlamentares debatem sobre a administra莽茫o municipal


Por: Veruscka Alc芒ntara



Discursos acalorados colocaram o plenário em divisão, demonstrando os que estão a favor da administração e os que não concordam com a forma como estão sendo realizadas as ações do Executivo.

 

A sessão ordinária na Casa Legislativa de Delmiro Gouveia desta quinta-feira (28), foi marcada pelo debate dos parlamentares sobre a atual gestão municipal. Discursos acalorados colocaram o plenário em divisão, demonstrando os que estão a favor da administração e os que não concordam com a forma como estão sendo realizadas as ações do Executivo.

O presidente Ezequiel de Carvalho Costa iniciou a reunião, que contou com a presença dos vereadores Francisco de Assis, Kinho (PRP); Marcos Costa (PMDB); Geraldo Xavier (PSD); Raimundo Valter Benício, Casa Grande (PPS); George Lisboa Júnior (PMDB); Pedro Paulo (PT); Carlos Roberto, Cacau Correia (PTN) e Enoque Batista (PHS).

 Na tribuna, o vereador Kinho iniciou as críticas à gestão e afirmou ser importante a Câmara cumprir o papel de fiscalização. Ele explicou que se existem indícios de improbidade administrativa, se faz necessária uma investigação. “Não estamos acusando ninguém, são suposições e precisamos investigar e esclarecer os fatos”, falou.

Na defesa, o vereador Geraldo Xavier indagou qual o crime de responsabilidade que o prefeito teria cometido, afirmando que muitas das notícias que circulam são falsas. “Qual o crime de responsabilidade que Eraldo cometeu? Senhores, a eleição está logo ali, não é preciso ficar criando celeuma com o prefeito, isso é coisa de pessoas que não têm o que fazer, que ficam criando fake news, mentindo para a sociedade”, enfatizou Geraldo. Ele se reportou ao fato de matéria veiculada na imprensa sobre a má qualidade da merenda escolar. “Isso é uma mentira. Aqui temos frango e comida de qualidade. O prefeito está empenhado em trabalhar pelo município, inclusive esteve com o governador nos últimos dias para resolver as questões relacionadas à UPA”, concluiu.

O vereador Cacau também fez questionamentos sobre a gestão e ressaltou a importância da averiguação de atos do Executivo pela Casa. “Ninguém falou em condenação nem em golpe, queremos nos informar sobre o que está acontecendo, é o nosso papel investigar”, falou. Ele disse não entender porque a Prefeitura não atendeu ao requerimento da convocação da secretária de Administração para prestar alguns esclarecimentos, fato que foi reforçado pelo vereador Marcos Costa. “Sabemos que a secretária é competente e gostaríamos de vê-la aqui para esclarecer alguns fatos, não estamos culpando nem condenado”, disse Marcos.

O vereador Enoque também se posicionou e reafirmou algumas questões colocadas pelos colegas. “Não entendemos a que golpe se referem. Estamos buscando saber o que está acontecendo para que a UPA não feche, os postos de saúde tenham remédio, tudo isso é para o povo. Aqui tem que discutir questões administrativas, que é o que estamos fazendo, e o gestor está deixando a desejar”, afirmou.

Pedro Paulo fechou as colocações e se posicionou a favor da gestão, ressaltando que “a sociedade vive um momento de retrocesso com uma onda falaciosa”. Ele reforçou ainda que a Casa precisa agir com a razão. “É preciso ter cautela porque aqui não se pode agir com emoção, temos que agir com a razão. Delmiro não merece mais a balbúrdia de outrora”, disse Pedro. Ele falou ainda sobrem a qualidade da merenda, explicando que como professor da rede municipal, nunca viu uma merenda com a qualidade da que está sendo servida atualmente. “Vivi momentos em gestões anteriores que tínhamos na escola somente cuscuz com leite durante 15 dias. Agora temos merenda de qualidade, com arroz, feijão, frango ou carne. O que eu peço é que tenhamos cuidado, que façam oposição com responsabilidade porque quem merece o respeito, acima de tudo, é a população”, frisou.

O fornecedor do frango da merenda escolar, Alexandre Luiz da Silva, popularmente conhecido como Alexandre da Granja prestou esclarecimentos sobre o produto vendido ao município. Ele explicou que a carne da ave é de qualidade, abatida dentro das normas exigidas pelos órgãos competentes.

CPI

Na reunião o vereador Cacau falou sobre o requerimento que solicita a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar possíveis irregularidades da administração municipal. Além de Cacau, o documento foi assinado pelos vereadores Kinho, Enoque, Casa Grande, Júnior Lisboa e Marcos Costa. O grupo reforça que o requerimento está fundamentado no Regimento Interno da Câmara e na Lei Orgânica Municipal.


Anteriores
1 at茅 30 de 102
  Pr贸ximo 禄  

ASSISTA AO VIVO
Transmiss茫o ao vivo
PUBLICIDADE

Nosso foco 茅 o seu crescimento, sua empresa
Divulgue sua marca aqui
Sua marca aqui
Apara莽a aqui, divulgue sua marca. vem com a gente
Venha crescer com a gente
sua marca aqui
Sua marca aqui
Novos PMS
PMPA DIA DA MULHER
Novos PMS
PMPA DIA DA MULHER
Alpha
Todos os direitos reservados - 2019